You have 0 articles to compare. Do you want to see compare view now?


Compare

APRESENTAÇÃO

Desde a sua fundação, em 2009, o GT/Fenomenologia tem como objetivo principal abordar temas relevantes a partir da obra de Husserl ou mesmo da produção daqueles autores que, de uma maneira ou de outra, marcaram singularmente seus nomes no que se convencionou chamar de “tradição fenomenológico-existencial”, seja na Alemanha, com Heidegger e Scheler; seja na França, com Gabriel Marcel, Ricœur, Sartre, Merleau-Ponty, Levinas, entre outros.

O grupo se ancora, portanto, a partir de dois eixos principais de trabalho a partir desse cenário em pauta: 

O primeiro concentra-se em temas que estão diretamente ligados ao projeto filosófico inaugurado pela fenomenologia transcendental de Edmund Husserl e seu redimensionamento crítico do naturalismo e do psicologismo. Para tanto, diferentes temas são abordados, tais como: “idealismo/realismo”, “método/redução”, “intencionalidade”, “experiência”, “intersubjetividade”, “Lebenswelt”, etc.

O segundo eixo sucedem-se temas cuja inspiração maior remete-nos a pensadores que contribuíram decisivamente para uma reorientação crítica da herança husserliana, ora em solo alemão, ora em solo francês tendo como temas corolários: “facticidade”, “ser”, “percepção”, “corpo”, “linguagem”, “temporalidade”; “liberdade”, dentre outros. 

FaLang translation system by Faboba

Grupos de Trabalho