You have 0 articles to compare. Do you want to see compare view now?


Compare

Programa de Pós-graduação em Filosofia da PUC do Paraná

Programa de Pós-graduação em Filosofia da PUC do Paraná
PUCPR
Instituição
PUC do Paraná
Apresentação

O Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Pontifícia Universidade Católica do Paraná, vinculado à Escola de Educação e Humanidades e à Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação, teve sua criação aprovada pelo Conselho Universitário da PUCPR por meio da Resolução 44/2003 de 23 de Junho de 2003 e foi recomendado pelo Conselho Técnico e Científico da CAPES (MEC) em reunião nos dias 15 e 16 de setembro de 2003.
A história do PPGF, contudo, está ligada ao Curso de Graduação em Filosofia da PUCPR, que desenvolve suas atividades desde os primeiros anos da segunda metade do século XX. Deve-se, portanto, considerar o intervalo de 50 anos entre o início da Graduação (1953) e o reconhecimento pela CAPES do Mestrado. Um intervalo cuja história pode ser revisitada, considerando-se três momentos distintos.
O primeiro, do início das atividades do curso em 1953 até a criação do Departamento de Filosofia, em 1974, foi caracterizado principalmente pela formação em filosofia como uma preparação para a teologia. Nessa época, o corpo discente era composto em sua maioria por alunos oriundos de congregações religiosas e o corpo docente por membros do clero. O curso tinha uma conotação escolástica e as aulas se apoiavam principalmente em manuais de filosofia e em livros tradicionais de História da Filosofia.
O momento seguinte, que compreende a segunda metade da década de 70 e a década de 80, caracterizou-se pela presença de professores não-religiosos no curso e por uma maior participação de um público leigo nas aulas. Nesse período, especialmente na década de 80, a formação seminarística, predominante ainda no curso, teve uma nova orientação, acompanhando as tendências da Igreja especialmente aquelas ligadas à corrente intitulada Teologia da Libertação. É também dessa época o início de uma preocupação mais acentuada com a titulação dos professores, que passaram a realizar cursos de pós-graduação na PUCPR (lato sensu) e em outros centros urbanos (stricto sensu), principalmente em São Paulo, ampliando assim o horizonte dos temas abordados e conferindo novos contornos à idéia de estudo e ensino de filosofia. Este duplo movimento, de acompanhar as tendências da Igreja, por um lado, e de ampliar o diálogo com outros centros de formação em filosofia, por outro, teve reflexo nos conteúdos trabalhados no curso, que passaram a contemplar, ao lado dos temas clássicos, questões próprias à filosofia contemporânea, tais como o problema da existência, do poder, do sujeito e da linguagem.

O terceiro período, do início da década de 90 até os primeiros anos do novo milênio, foi marcado por uma presença ainda mais acentuada no trabalho com temas de filosofia contemporânea no Curso de Filosofia. É deste período também a consolidação progressiva do papel da pesquisa ao lado do ensino, bem como da inserção cada vez maior do corpo docente e discente do Curso no cenário nacional, por meio da apresentação de trabalhos em congressos e da participação em grupos de pesquisa sediados, em sua

Linhas de Pesquisas

Em 2013, no intuito de um diálogo mais intenso entre as Linhas de Pesquisa, o PPGF subdividiu cada uma delas em Núcleos de Pesquisa, os quais têm abrigado os projetos específicos de cada professor.
1 - Ética e Filosofia Política
Investigação de temas relativos ao agir humano, tendo em vista em especial a ética e a filosofia política, nos seus pré-requisitos até Kant e em seus desdobramentos nos séculos XIX, XX e XXI. Núcleos de pesquisa: Crítica à cultura: séculos XIX e XX, Liberdade e  Política, Filosofia da técnica.
Palavras-chave: ética, filosofia política, indivíduo, cultura, liberdade, governabilidade.
Grupo de sustentação: Prof. Dr. César Augusto Ramos, Prof. Dr. Cesar Candiotto, Prof. Dr. Jelson Roberto de Oliveira (coordenador), Horacio Lújan Martinéz.

2 - Ontologia e Epistemologia
Nesta linha desenvolvem-se estudos a respeito do ser e do conhecer de modo geral e de sua expressão na linguagem de modo particular.
Núcleos de Pesquisa: Verdade e método, Intencionalidade e representação mental, ontologia e subjetividade.
Palavras-chave: ontologia, epistemologia, subjetividade, representação e conteúdo mental, consciência, verdade e método.
Grupo de sustentação: Prof. Dr. Bortolo Valle (coordenador), Prof. Dr. Cleverson Leite Bastos, Prof. Dr. Ericson Falabretti, Prof. Dr. Kleber Bez Birolo Candiotto.  

3 - Filosofia da Psicanálise
Diálogo entre filosofia e psicanálise em três de suas acepções: a psicanálise considerada pela filosofia como objeto de reflexão e crítica, na perspectiva analítica ou epistemológica; a convergência entre filosofia e psicanálise a partir de um campo de problemas que constitua objeto de interesse comum, como arte, política, religião, sociedade, etc.; a psicanálise como um campo de indução e renovação da problemática própria da filosofia, como inconsciente, vontade, representação, consciência, desejo etc.
Núcleos de Pesquisa: a Psicanálise e seus pressupostos, a psicanálise e seus desdobramentos.
Palavras-chave: filosofia, psicanálise,

Estrutura Admin.

Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Filosofia Stricto Sensu
Prof. Dr. Ericson Falabretti

Endereço eletrônico
Filosofia | PUC-PR
Endereço Postal

Rua Imaculada Conceição, 1155 - Escola de Educação e Humanidades
Prado Velho - Curitiba/PR - CEP: 80215-901

Contatos

Tel.: (41) 3271-2626
Fax: (41) 3271-2645
E-mail: secretaria.ppgf@pucpr.br

FaLang translation system by Faboba