A democracia em questão: um governo para um povo de deuses? Show all records where Título is equal to A democracia em questão: um governo para um povo de deuses?
Maria Constança Peres Pissarra Show all records where Autor is equal to Maria Constança Peres Pissarra
PUC/SP Show all records where Instituição is equal to PUC/SP

O presente trabalho se insere em uma pesquisa maior, de natureza teórica, que estuda a categoria “reconhecimento” e suas dificuldades dentro dos contextos de luta por direitos e por aceitação de diferenças, buscando alternativas no pensamento de Emmanuel Levinas, na noção de acolhimento, e principalmente na sua forma de pensar a alteridade. Objetiva discutir os constrangimentos impostos ao reconhecimento mediante a invisibilidade em que se situam minorias e povos distintos como índios e negros, por exemplo, nas sociedades ocidentais, liberais e de maioria branca. Para tanto, busca-se tencionar as noções de acolhimento e reconhecimento, através do conceito de invisibilidade. Noção de acolhimento presente na alteridade absoluta levinasiana, que implica em uma ética da alteridade, e noção de reconhecimento hegeliana, cuja premissa é o silogismo servidão-dominação. O trabalho aqui proposto fundamenta-se nas noções de reconhecimento fundadas no pensamento de Georg Wilhelm Hegel e na possibilidade alternativa aos contextos de luta dentro do pensamento de Emmanuel Levinas, tomada como acolhimento do diferente. Para tanto são utilizadas principalmente as obras Sistema da Vida Ética e Fenomenologia do Espírito, de Hegel, e Da Existência ao Existente e Totalidade e Infinito, de Levinas. Desenvolve-se metodologicamente a partir da noção de invisibilidade apresentada no romance Homem Invisível de Ralph Ellison, publicado em 1952, no qual o protagonista se apresenta como invisível tanto para os brancos racistas como para os brancos emancipados, e ainda para os próprios negros radicais. O trabalho apresenta um momento introdutório de explicação das questões que suscitaram a pesquisa maior, seguido de um segundo momento em que são apresentadas as noções de reconhecimento em Hegel e de acolhimento em Levinas. No terceiro momento apresentamos uma rápida síntese do romance que serve de base para este trabalho e as colocações pertinentes às dificuldades de reconhecimento enfrentadas pelos negros. Ao final busca-se explicitar que talvez as noções de acolhimento e de uma ética da responsabilidade como apresentadas em Levinas, podem revelar-se problemáticas frente à noção de invisibilidade e à sua realidade inconteste.

Ética e filosofia política Buscar Grupo igual a Ética e filosofia política
Dia 23 | Terça | Sala 205 |09:30-10:00
CTI
23/10/2018
FaLang translation system by Faboba