Lançamento de livro: “Foucault, Governamentalidade e crítica”

CAPA FGC 1 frente 555x710

“Foucault, Governamentalidade e crítica” é um comentário do professor Thomas Lemke sobre o neoliberalismo em Michel Foucault

O campo de pesquisa da governamentalidade aberto por Foucault analisa as relações entre disciplina, biopolítica e neoliberalismo e faz um diagnóstico preciso do neoliberalismo: a forma-empresa como modo de vida, a redução da esfera individual ao “capital humano”, o governo pela disseminação do medo e da (in)segurança.

Seria possível negar que vivemos hoje em uma sociedade de controle, tendo em vista as orwellianas medidas de controle surgidas após o 11 de Setembro? A governamentalidade esclarece tal quadro, analisando as relações problemáticas entre disciplina, segurança,controle estatal e liberdade dos cidadãos nas sociedades ditas democráticas.

Thomas Lemke reconstrói a emergência da governamentalidade na analítica do poder de Foucault e mostra a difusão dos estudos de governamentalidade num grande número de áreas de pesquisa. O livro explora a força teórica e a perspectiva crítica que o conceito oferece, tendo em vista os desafios políticos e sociais contemporâneos.

 

Thomas Lemke é professor de sociologia com foco em Biotecnologia, Natureza e Sociedade na Universidade Goethe de Frankfurt. Ele pesquisa teoria social e política, biopolítica, novos materialismos e estudos sociais de tecnologias genéticas e reprodutivas.

Lançamento no dia 19/dezembro no Tapera Taperá - São Paulo - SP

Para adquirir, acesse: http://editorapoliteia.com.br/produto/foucault/

 

FaLang translation system by Faboba