A Crise da Democracia e do Estado de Direito
III Encontro Nacional de Filosofia Política Contemporânea e VIII Ciclo Hannah Arendt
Universidade Estadual de Londrina
ciclohannaharendt@gmail.com

III Encontro Nacional de Filosofia Política Contemporânea e o VIII Ciclo Hannah Arendt propõem como tema geral das discussões A Crise da Democracia e do Estado de Direito.

Filósofos de linhas filosóficas diversas, tais como NietzscheAgambenArendtSartreFinnisRazHabermasFullerHeideggerMarcuseMerleau-PontyFoucault, Butler e Bobbio, fundamentarão as reflexões; autores contemporâneos que apresentam em comum a reflexão sobre um mundo que vivenciou o esfacelamento das utopias e das grandes verdades como se fossem uma montanha de cartas.

A realização dos eventos simultâneos é de responsabilidade do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Estadual de Londrina em conjunto com os Programas de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal de Goiânia e da Universidade Federal do Espírito Santo – programas de pós-graduação que contam com as linhas de pesquisa Ética e Filosofia Política e do Grupo de Trabalho Filosofia Política Contemporânea da ANPOF.

O Grupo de Trabalho Filosofia Política Contemporânea da ANPOF é o idealizador do Encontro Nacional de Filosofia Política Contemporânea. O Programa de Pós-Graduação em Filosofia e os Cursos de Especialização em Filosofia Política e Jurídica e Filosofia Moderna e Contemporânea, da UEL, são os apoiadores do Ciclo Hannah Arendt.

O Evento terá em sua Programação a participação de professores, pesquisadores e estudantes de mais de treze Programas de Pós-Graduação e contará com convidados estrangeiros.

Somado a isso, o Evento oferecerá espaço para a apresentação de comunicações, o que confirmará a vocação dos dois eventos para o intercâmbio de ideias e para a participação ampla da comunidade. 


23 Ago 2017 > Ocorrido há 31 dias
23 Ago 2017 - 26 Ago 2017
10 Jul 2017 - 30 Jul 2017
10 Jul 2017 - 23 Ago 2017

23 de agosto de 2017 – Quarta-feira

13h30 – Credenciamento

14h – Solenidade de Abertura do Evento

14h30 às 16h – Mesa I – Moderadora Profa. Dra. Maria Cristina Müller (UEL)

 

A Crise da Democracia e do Estado de Direito

Prof. Dr. Wolfgang Leo MaarProfessor do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar)

 

Economia, direito e democracia na agenda do século XXI

Prof. Dr. Elve Miguel Cenci – Professor dos Programas de Pós-Graduação em Filosofia e em Direito Negocial da Universidade Estadual de Londrina (UEL)

16h Intervalo

16h30 às 18h – Mesa II – Moderador Prof. Dr. José Luiz de Oliveira (UFSJ)

 

Hannah Arendt: a Política e o Estado

Profa. Dra. Sônia Maria Schio – Professora do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal de Pelotas (UFPel)

 

O desencantamento com a política

Profa. Dra. Maria Cristina Müller – Professora do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Estadual de Londrina (UEL)

18h Coffee-Break

19h15 às 21h – Mesa III – Moderador Prof. Dr. Daniel Arruda Nascimento (UFF)

 

A crise da democracia

Prof. Dr. Rodrigo Ribeiro Alves Neto – Professor do Departamento de Filosofia da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) e Professor Colaborador do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)

 

Sobre as antidemocracias do Estado Democrático

Profa. Dra. Adriana Delbó – Professora do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal de Goiás (UFG)

24 de agosto de 2017 – Quinta-feira

8h às 12h

Sessões de Comunicações

14h às 15h30 – Mesa IV – Moderador Prof. Dr. Castor M. M. Bartolomé Ruiz (Unisinos)

 

Para um Diagnóstico da Crise da Democracia Brasileira: de 2013 a 2016

Prof. Dr. André de Macedo Duarte – Professor do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal do Paraná (UFPR) – CNPq

 

O Estado de Direito e a legitimidade da autoridade política

Profa. Dra. Andréa Luisa Bucchile FaggionProfessora dos Programas de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Estadual de Londrina (UEL) e da Universidade Estadual de Maringá (UEM)

15h30 Intervalo

16h às 17h30– Mesa V – Moderadora Profa. Dra. Kathlen Luana de Oliveira (IFRS/UEL)

 

Tem a política algum sentido ainda? Uma problemática contemporânea

Prof. Dr. Fábio Abreu dos Passos – Professor do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal do Piauí (UFPI)

 

Governança e a nova administração da ação política

Dra. Mariana de Mattos Rubiano – Bolsista de Pós-Doutorado vinculada a Pós-Graduação em Filosofia da Universidade de São Paulo (USP)

 

Estado de Exceção: modo de usar

Prof. Dr. Deyvison Rodrigues Lima – Professor da Universidade Regional do Cariri (URCA/Ceará)

18h Coffee-Break

19h15 às 21h – Mesa VI – Moderadora Profa. Dra. Sônia Maria Schio (UFPel)

 

Estado Securitário e biopolítica: Agamben reencontra Foucault na segunda década do século vinte e um

Prof. Dr. Daniel Arruda Nascimento – Professor da Universidade Federal Fluminense (UFF) e Professor do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)

 

Por uma teoria do governamento: o diagnóstico de Foucault sobre os Estados securitários contemporâneos

Prof. Dr. André Constantino Yazbek – Professor do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal Fluminense (UFF)

25 de agosto de 2017 – Sexta-feira

8h às 12h

Sessões de Comunicações

14h às 16h – Mesa VII – Moderador Prof. Dr. Fábio Abreu dos Passos (UFPI)

 

A geografia do ódio: cidadania e direito em Arendt

Profa. Dra. Kathlen Luana de OliveiraProfessora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS) e Bolsista em Estágio Pós-Doutoral do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Estadual de Londrina (UEL)

 

A Insurreição dos Governados em Michel Foucault: por uma ontologia histórica de nós mesmos

Prof. Ddo. Rodrigo Diaz de Vivar y Soler – Professor do Centro Universitário Estácio/SC e Doutorando em Filosofia da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS)

 

Poder e panotismo da cidadania segundo Michel Foucault

Profa. Dra. Olaya Fernandez Guerrero – Professora da Universidad de La Rioja/España (Unirioja)

16h Intervalo

16h30 às 18h – Mesa VIII – Moderador Prof. Dr. Rodrigo Ribeiro Alves Neto (UNIRIO/UFRN)

 

O que diria Hannah Arendt sobre o centenário da Revolução Russa?

Prof. Dr. José Luiz de Oliveira – Professor da Universidade Federal de São João Del Rey (UFSJ)

 

Resistência e identidade: uma busca da pluralidade no contexto da questão judaica em Hannah Arendt

Prof. Ddo. Ricardo George de Araujo SilvaProfessor da Universidade Estadual Vale do Acaraú/Ceará (UVA) e Doutorando do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal do Ceará (UFC)

18h Coffee-Break

19h15 às 21h – Mesa IX – Moderadora Profa. Dra. Adriana Delbó (UFG)

 

A separação entre a vida (ética) e o dever ser (função). Genealogia do funcionário moderno, segundo G. Agamben

Prof. Dr. Castor M. M. Bartolomé Ruiz – Professor do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade do Vale do Rio dos Sinos/RS (Unisinos) e Coordenador da Cátedra Unesco de Direitos Humanos da Unisinos

 

Face às subjetivações, o governo dos algoritmos

Prof. Dr. Edson Teles – Professor do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)

21h – Reunião do GT Filosofia Política Contemporânea da ANPOF


Londrina PR

Ciclo Arendt
Profa Maria Cristina Müller

Os interessados em apresentar trabalhos nas Sessões de Comunicações deverão enviar a proposta até o dia 30 de julho de 2017.

O trabalho deve versar sobre a temática geral do evento, isso é, A Crise da Democracia e do Estado de Direito. 

 

 

Regras para envio da proposta 

 

O proponente poderá escolher se enviará a proposta na forma de Resumo ou de Texto Completo.

A proposta deve ser enviado até 30 de julho de 2017 diretamente no link inscrições.

A proposta deve seguir rigorosamente as normas abaixo descritas.

Cada participante poderá enviar apenas uma (1) proposta. 

A Comissão Científica analisará a proposta e enviará, por e-mail, a confirmação de aceite ou a recusa da comunicação até 10 de agosto de 2017.

É obrigatório o pagamento antecipado da inscrição para quem tiver sua proposta de apresentação de trabalho aceita.

 


Normas para Resumo

Inicialmente deverá ser indicado o título da comunicação em caixa alta, negrito e centralizado; em seguida, o nome do autor, instituição (se houver) e e-mail com alinhamento à direita; e, por fim, o resumo e as palavras-chave.

O Resumo dever ter um único parágrafo em editor de texto do Word, com no mínimo 300 palavras e no máximo 500 palavras, e no máximo 5 palavras-chave;

O Resumo deve ser configurado em Fonte Times New Roman, corpo 12, espaçamento simples; parágrafo justificado; margens esquerda e superior 3 cm e inferior e direita 2,5 cm.

As palavras-chave deverão ser no máximo de 5 (cinco). Devem iniciar com letra maiúscula e vir seguidas de ponto e vírgula. A última palavra-chave deve vir seguida de ponto.

 

 

Normas para Texto Completo

A configuração deve obedecer as seguintes normas gerais: Fonte Times New Roman, tamanho 12, espaçamento 1,5; justificado; margens esquerda e superior 3 cm e inferior e direita 2,5 cm;

Inicialmente deverá ser indicado o título da comunicação em caixa alta, negrito e centralizado; em seguida, o nome do autor, instituição (se houver) e e-mail com alinhamento à direita; após apresentar o resumo e as palavras-chave; somente a seguir deve constar o texto.

Após o título e a autoria deve constar o Resumo. O Resumo dever ter um único parágrafo em editor de texto do Word, com no mínimo 300 palavras e no máximo 500 palavras.

Abaixo do Resumo deve constar as Palavras-chave. Deve haver no máximo 5 palavras-chave; após cada uma das palavras deve seguir um ponto e vírugula, com exceção da última que deve vir seguida de ponto final; Cada palavra-chave deve inciar por letra maiúscula.

 Inicia-se o texto. O texto deverá ter no mínimo 7 páginas e no máximo 12 páginas, em editor de texto do Word;

As citações de até três linhas devem ser mantidas no corpo do texto, entre aspas;

As citações de quatro ou mais linhas devem ser apresentadas em parágrafo próprio, sem aspas, com alinhamento justificado e deslocamento de 4 cm a partir da margem esquerda, tamanho 11, espaçamento simples entre linhas;

A referência da citação deverá ser mencionada entre parênteses (Sobrenome, ano, página);

A bibliografia deverá aparecer após o texto e organizada em ordem alfabética, segundo a norma 6023 da ABNT.

Conta-se o número de páginas a partir da página do título incluindo-se as páginas da bibliografia.

 

Publicação

Os trabalhos aceitos e apresentados serão publicados nos Anais do Evento em formato de Livro digital com ISBN em data (ainda não definida) posterior ao evento.


Grupo de Trabalho Filosofia Política Contemporânea - ANPOF

 

 

Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Estadual de Londrina (UEL) 

 

Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)

 

Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade federal de Goiás (UFG)

 

Apoio Financeiro

 

Curso de Especialização em Filosofia Política e Jurídica - UEL

 

Curso de Especialização em Filosofia Moderna e Contemporânea - UEL

 

Apoio

Departamento de Filosofia - UEL

Colegiado Curso de Graduação em Filosofia - UEL


FaLang translation system by Faboba

Próximos Eventos


I Bienal Internacional de Filosofia de Uberlândia

Conferencistas confirmados:

 

Alcino Eduardo Bonella (Universidade Federal de Uberlândia)

Claudia Meghale (Universidade de Nápoles)

Carla Rodriques (UFRJ)

Denis Kambouchner (Universidade de Paris I)

Fabrizio Lomonaco (Universidade de Nápoles)

Francis Wolff (ENS – Paris)

Igor Agostini (Universidade do Salento)

Laura Castelli (LMU- Munique)

Marcelo Carvalho (UNIFESP)

Marco Vanzulli (Universidade de Milão - Bicocca)

Pierre Guenancia (Universidade da Borgonha) 

Rafal Smoczynski (Academia Polonesa de Ciências)

Romana Bassi (Universidade de Pádua)

Stefania Sini (Universidade do Piemonte Oriental)

Wojciech Starzynski (Academia Polonesa de Ciências)

 

25 a 30 de Setembro de 2017

 

Universidade Federal de Uberlândia – Campus Santa Mônica

 

 

Auditório do bloco 5O

DATA DE INÍCIO
25 Set 2017 > Ocorrerá em 3 dias

“COLÓQUIO INTERNACIONAL DESCARTES: Discurso do Método e Ensaios”

“COLÓQUIO INTERNACIONAL DESCARTES: Discurso do Método e Ensaios”

Data: 3-6 de outubro de 2017

Local: IFCH-UNICAMP, Campinas, SP

Promoção: GT Estudos Cartesianos – ANPOF

Coordenação: Dr. César Augusto Battisti e Dr. Enéias Júnior Forlin

DATA DE INÍCIO
03 Out 2017 > Ocorrerá em 11 dias

IV Encontro Linguagem e Cognição
IV Encontro Linguagem e Cognição
DATA DE INÍCIO
04 Out 2017 > Ocorrerá em 12 dias
LOCAL
Maceió-AL (Universidade Federal de Alagoas & Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso (8ª Bienal Internacional do Livro de Alagoas)

7º Simpósio Nacional de Ciência, Tecnologia e Sociedade - Esocite 2017
7º Simpósio Nacional de Ciência, Tecnologia e Sociedade - Esocite 2017

É uma satisfação convidá-la/o para a primeira fase de organização do VII ESOCITE.BR/tecsoc, que acontecerá na Universidade de Brasília (UNB), FINATEC/ Brasília, de 05 a 07 de outubro de 2017, fazendo uma proposta de GRUPO TEMÁTICO (GT), OFICINA ou MINICURSO.

Sua proposta deve ser encaminhada eletronicamente pelos E-MAILs assim distribuídos:

Para GT: gtesocite17@gmail.com

Para OFICINA: oficinaesocite17@gmail.com

Para MINICURSO: minicursoesocite17@gmail.com

 

Prazo para o encaminhamento de propostas: 06 de março a 10 de abril de 2017

Condições e formatos das propostas:

1) GTs: uma proposta de coordenação de Grupo Temático deverá ser encaminhada por no mínimo dois professores/pesquisadores que não sejam da mesma instituição através de um texto de referência (para divulgação no site de chamada do simpósio) de no mínimo 1200 e no máximo 2400 caracteres apresentando os objetivos da proposta, além do título e a indicação de um/a debatedor/a. Um GT será composto por no mínimo 9 e no máximo 15 trabalhos que terão lugar em sessões de 120 minutos. Como sugestão inicial, cada sessão de um GT será composta por 5 apresentações de 15 minutos, seguidas de 10 minutos de intervenção do/a debatedor/a e mais 35 minutos de discussão aberta.

2) OFICINAS: Uma Oficina é pensada como um encontro que visará a finalização conjunta de um “objeto”. Por exemplo, um texto, uma aula, uma demonstração, um vídeo, uma tomada de posição academicamente referenciada, etc. Uma proposta de oficina deverá ser encaminhada por um ou mais professores/pesquisadores em um texto de referência (para divulgação no site de chamada do simpósio) de no mínimo 2400 e no máximo 4800 caracteres apresentando os objetivos da oficina, além do título. Uma oficina terá um espaço definido mas não estará subordinada à divisão prévia em sessões, embora a distribuição das tarefas deva ser compatível com a grade de horário do evento.

 

3) MINICURSOS: uma proposta de minicurso deverá ser encaminhada por um ou mais

DATA DE INÍCIO
05 Out 2017 > Ocorrerá em 13 dias
LOCAL
Finatec, Universidade de Brasília - Brasília/DF