Le Monde Diplomatique Brasil
Longe de se localizar em certa noção de produtivismo, que exige extemporaneamente das ciências humanas uma produção científica simétrica àquela das ciências naturais, por exemplo, a minha aposta é que esse ataque se dirige mesmo à natureza das ciências humanas. Não se trata, portanto, de um ataque conjuntural. O que se quer combater é a noção mesma de humanidades produzida, sobretudo, nas universidades públicas do Brasil.
https://diplomatique.org.br/o-preco-do-ressentimento-sobre-o-ataque-as-ciencias-humanas/
FaLang translation system by Faboba