Apontamentos sobre a questão da Técnica no Século XX em abordagens prévias ao pensamento de Hans Jonas

Pensando - Revista de Filosofia, Vol.11, n.24, 2020 • Pensando - Revista de Filosofia

Autor: Geovani Viola Moretto, Joelson Juk

Resumo:

A análise feita por Hans Jonas acerca do problema da técnica moderna, se situou em uma relação de identidade e diferenciação para com a tradição em que se encontrava inserido. Husserl foi o primeiro a indicar a necessidade de se reavaliar os limites da técnica moderna, para ele o problema dessa técnica, por ser uma decorrência da matematização da natureza, seria a perda de uma capacidade de se produzir um conhecimento que não seja intermediado pela própria tecnicidade da matematização. O trabalho de Ortega y Gasset na análise da técnica moderna, contribuiu para o estabelecimento de conceitos importantes, mas não suscitou uma reflexão crítica pertinente à contemporaneidade e nem apresentou grandes ressalvas quanto à utilização da técnica, pelo contrário, o filósofo espanhol foi um entusiasta dos resultados do tecnicismo. Martin Heidegger, é o filósofo anterior a Hans Jonas que com mais ênfase delineia não apenas uma análise da questão da técnica moderna, como também desenvolve uma crítica aos efeitos e as consequências que essa técnica pode produzir para a contemporaneidade. A partir dessas análises, é possível perceber que o pensamento de Hans Jonas é singular, sobretudo, porque vincula sua crítica e suas considerações à técnica moderna à análise do fenômeno da vida, preocupando-se em relacionar as ameaças e os problemas dessa técnica com a concretude e a singularidade da vida.

ISSN: 2178-843X

DOI: https://doi.org/10.26694/pensando.v11i24.11453

Texto Completo: https://revistas.ufpi.br/index.php/pensando/article/view/11453/7061

Palavras-Chave: Técnica; Hans Jonas; Ortega y Gasset; Husserl; Martin Heidegger.

Pensando - Revista de Filosofia

A revista objetiva ser um espaço editorial de rigorosa discussão filosófica aberto à participação de pesquisadores das mais diferentes regiões do país e do mundo, sem qualquer restrição de ordem temática e teórica, em nível de pós-graduação stricto sensu (doutorado).

La revista pretende ser un espacio editorial de discusión filosófica rigurosa abierta a la participación de investigadores de las regiones más diferentes del país y del mundo, sin ninguna restricción de orden temático y teórico, a nivel de postgrado stricto sensu (doctorado).

This journal claims to be a publishing space of rigorous philosophical debate opened to the collaboration of researchers from worldwide with no restriction of themes and theoretical views, by accepting papers only at the level of graduate studies.

Buscamos ainda disponibilizar a tradução de artigos filosóficos ligados às necessidades da graduação e pós-graduação em filosofia no país, bem como a publicização de filósofos que não são contemplados editorialmente no Brasil.

También buscamos poner a disposición la traducción de artículos filosóficos relacionados con las necesidades de estudiantes de pregrado y posgrado en filosofía en el país, así como la publicación de filósofos que no están cubiertos en Brasil.

The journal also aims to publish Portuguese and Spanish translations of philosophical works related to the needs of philosophy undergraduate and graduate studies in our country, as well as papers of relevant philosophers who were not still published in Brazil.

Queremos também, por fim, ser um espaço para a discussão sobre o ensino de filosofia em seus diferentes graus de ensino, visando sua melhoria através da discussão crítica de alternativas acadêmicas relacionadas ao tema.

Finalmente, también queremos ser un espacio para la discusión sobre la enseñanza de la filosofía en sus diferentes grados de educación, con el objetivo de mejorar a través de la discusión crítica de las alternativas académicas relacionadas con el tema.

The journal claims also to be a place for serious debates concerning teaching philosophy in its several levels, by aiming to improve its practice through the critic discussion of relevant alternatives to the subject.

Publicamos artigos em português, inglês, francês, espanhol e italiano. A publicação e o processo editorial é totalmente gratuito.

Publicamos artículos en portugués, inglés, francés, español e italiano. El proceso de publicación y editorial es completamente gratuito.

We publish papers in Portuguese, English, French, Spanish, and Italian. There is no charges or cost for submission and publication.

Link: https://revistas.ufpi.br/index.php/pensando/index